Olá queridos leitores ! 

Hoje o livro que irei resenhar será O Príncipe dos Canalhas ,da autora Loretta Chase publicado pela Editora Arqueiro . Foi um livro que me surpreendeu bastante - do começo ao fim - geralmete você já pega um livro e sabe mais ou menos os que os personagens iram fazer ou falar , mas ESSE livro não é assim - com certeza não é kkkk - a cada página lida a história tomava um rumo diferente do que eu imaginava e isso tornou o livro M-A-R-A-V-I-L-H-O-S-O   do começo ao fim . É um romance intenso e forte - AMEI - com muito humor , ironia e xingamentos. A história abordou um tema diferente de todos os livros de época que já li e essa inovação foi encantadora . 



Titulo : O Príncipe dos Canalhas 

Título original : Lord of Scoundrels


Autora : Loretta Chase


Editora : Arqueiro 


Ano : 2015


Número de Páginas : 288


Sinopse : Sebastian Ballister é o grande e perigoso marquês de Dain, conhecido como lorde Belzebu: um homem com quem nenhuma dama respeitável deseja qualquer tipo de compromisso. Rejeitado pelo pai e humilhado pelos colegas de escola, ele nunca fez sucesso com as mulheres. E, a bem da verdade, está determinado a continuar desfrutando de sua vida depravada e pecadora, livre dos olhares traiçoeiros da conservadora sociedade parisiense. Até que um dia ele conhece Jessica Trent... Acostumado à repulsa das pessoas, Dain fica confuso ao deparar com aquela mulher tão independente e segura de si. Recém-chegada a Paris, sua única intenção é resgatar o irmão Bertie da má influência do arrogante lorde Belzebu. Liberal para sua época, Jessica não se deixa abater por escândalos e pelos tabus impostos pela sociedade – muito menos pela ameaça do diabo em pessoa. O que nenhum dos dois poderia imaginar é que esse encontro seria capaz de despertar em Dain sentimentos há muito esquecidos. Tampouco que a inteligência e a virilidade dele pudessem desviar Jessica de seu caminho. Agora, com ambas as reputações na boca dos fofoqueiros e nas mãos dos apostadores, os dois começam um jogo de gato e rato recheado de intrigas, equívocos, armadilhas, paixões e desejos ardentes. 


Classificação : 








Sebastian Ballister teve uma infância bastante complicada e aterrorizante para uma criança  , foi abandonado pela mãe - que fugiu com outro homem - e seu pai o odiava - por ser filho daquela mulher e por assustar a todos com sua feiura  -  e para completar assim que ela fugiu seu pai o isolou mandando Sebastian para um internato onde era maltratado e espancado - Até o dia que ele revidou e acabou entrando na " Pior turma da escola " que o levou para o caminho da perdição e devassação com apenas 13 anos  - bebidas, fumo e a requisitar serviços de prostitutas . Sebastian não acredita mais no amor , acredita que é uma aberração , feio e que nenhuma dama consegue ficar a seu lado por muito tempo . Apesar dele ter se tornado um perfeito canalha , ele sabe administrar seu dinheiro e nunca precisou sequer pegar dinheiro do pai depois de Eton( escola )  - até o pai morrer e herdar o título .
" Dali em diante , decidiu que adotaria o seguinte lema de Horácio : " Ganha dinheiro honestamente , se puderes; senão , como puderes." Pág. 14



Por ele ser rico , ter título e ainda participar - e organizar - a devassação muitos queriam ser amigo dele ou estar com ele , não foi diferente para Bertie Trent - irmão de Jessica Trent - ele sempre estava com Sr. Dain , que com o tempo começou a ser reconhecido como Lord Belzebu . Mas Jessica não iria deixar o infeliz levar seu irmão a falência ou a morte , Jess estava determinada a acabar com o Lord Belzebu . Contudo,no primeiro encontro que Jessica teve com Dain esperava encontrar um gorila enorme e feio e não uma contemplação física de um deus romano - porém ela ainda manteve sua linguá afiada para responde-lo a altura . 

– Eu recomendo – prosseguiu ele, com os olhos na mulher – que você resista à tentação de fazer contas se estiver interessado em um presente para sua chère amie. As mulheres vivem num mundo matemático superior ao dos homens, especialmente quando se trata de presentes. – Isso acontece, Bertie, porque o cérebro feminino alcançou um estado mais avançado de desenvolvimento – respondeu a mulher, sem erguer os olhos.
   – As mulheres reconhecem que a escolha de um presente requer o equilíbrio entre uma equação moral, psicológica, estética e sentimental que é extremamente complicada. Eu não recomendaria que um reles homem tentasse se envolver no delicado processo de balancear essa equação, especialmente pelo método primitivo de calcular.
[...] 
  – Faz alguma ideia do que ela disse, Dain?
  – Sim.
  – E o que foi?
  – Homens são brutos e ignorantes.
  – Tem certeza?
  – Absoluta. " Pág 24

O Marquês Dain não acreditou nos seus olhos quando viu aquela Dama o olhando por tempo bastante sem fazer nenhuma careta ou querendo correr com medo dele e pareceu por um momento que talvez ela tivesse flertando ele , Jessica o fitava e respondia as perguntas sem se importar com opiniões dos outros .  
– Seus olhos – disse ela, com o olhar firme – são muito negros. Parecem ser de um castanho bem escuro. Mesmo assim, a ilusão é... esmagadora. 
Houve uma rápida sensação de ser apunhalado perto do diafragma ou na barriga, ele não conseguiu saber onde. Sua compostura não vacilou nem um milímetro. Tinha aprendido a mantê-la mesmo nas piores situações. 
– A conversa avançou para o lado pessoal com uma rapidez impressionante – argumentou ele. – Você está fascinada pelos meus olhos. 
– Não consigo evitar – respondeu ela. – São extraordinários. Tão negros. Mas não queria que se sentisse desconfortável." Pág. 26
Já no primeiro encontro dos dois foi uma explosão para ambos os lados - tanto de desejo como também de querer matar um ao outro . 

Jessica Trent é inteligente , determinada , corajosa e desinibida . Mesmo com todo o charme de Dain , Jess iria tirar as garras dele do seu irmão , porém quando ela tem uma conversa séria com Dain para ele se separar do seu irmão Dain faz exatamente ao contrario e é ai que realmente começa a brincadeira de cão e gato , o jogo da sedução e desejo .

" – Devo estar encantado – disse ele, no mesmo tom. – Ando com uma ideia imbecil de que você é a garota mais bonita que eu já vi. Com exceção desse seu penteado – acrescentou, olhando com asco para os cachos, as plumas e as pérolas. – É pavoroso.
Ela fez uma careta.
  – De fato, suas demonstrações de romantismo me deixam sem fôlego.
Lorde Dain ergueu a mão de Jessica e pressionou os lábios contra o pulso dela.
   – Sono il tuo schiavo – murmurou, sentindo a pulsação dela contra os lábios. – Significa “Sou seu escravo” – traduziu ele, quando ela puxou a mão de volta. – Carissima. Queridíssima.
Ela engoliu em seco.
  – Acho que é melhor você continuar com o inglês.
  – Mas o italiano é muito mais envolvente. Ti ho voluto dal primo momento che ti vedi. Eu a quero desde o primeiro momento em que a vi.
  – Mi tormenti ancora. Você me atormenta desde então.
Ele continuou falando, com palavras que Jessica não entendia, tudo o que pensava e sentia. Enquanto isso, ele observou os olhos dela se enternecerem e ouviu sua respiração acelerar, então despiu as próprias luvas.
  – Ah, não faça isso – sussurrou ela.
 Dain se aproximou, ainda falando aquela língua que parecia hipnotizá-la.
  – Você não devia usar esse charme masculino – disse ela, com a voz sufocada. E tocou na manga da camisa dele. – O que eu fiz de tão imperdoável?
Você me fez desejá-la, disse ele na língua de sua mãe. Você fez com que eu me sentisse solitário, apaixonado. Você me fez desejar o que eu jurei que nunca precisaria, que nunca procuraria.  " Pág. 92


Mesmo com o desejo e paixão dos dois  Dain ainda acha que ela não o quer , que ela só pensa no seu dinheiro - porque pra ele só podia ser esse o motivo para uma Dama da sociedade querer algo com ele . Então ele " Resolve " acabar com a reputação de Jessica no lugar de ser a reputação dele de libertino. Dain sabe que Jessica é mais inteligente que muitos homens , só não esperava que ela fosse vingativa , Jessica é determinada e consegue o que quer de um jeito ou de outro , então ela bola um plano impecável .

 "Ela usava um vestido vermelho-escuro, abotoado até o pescoço, e um xale negro que lhe cobria a cabeça e os ombros. Seu rosto estava lívido e com uma expressão rígida. Ela andou até a mesa, com o queixo erguido e os olhos prateados faiscando, e parou a poucos passos de distância.
 O coração de Dain batia em um galope frenético que lhe tornou impossível respirar, ou mesmo falar. 
– Saiam daqui – ordenou Jessica, com a voz baixa e dura, dirigindo o olhar para as outras pessoas que dividiam a mesa. 
As prostitutas saltaram do colo dele, derrubando copos na pressa. Os homens se levantaram e recuaram. Uma cadeira tombou. 
Esmond foi o único que conseguiu manter a calma.  
– Mademoiselle – começou ele, com a voz gentil e apaziguadora. 
Ela jogou o xale para trás e ergueu a mão direita. Havia uma pistola ali, e o cano apontava diretamente para o coração de Dain.  
– Vá embora – disse ela a Esmond. 
Dain ouviu o clique quando ela engatilhou a arma e o arrastar de uma cadeira quando Esmond se levantou.  
– Mademoiselle – tentou ele outra vez.  
– Comece a rezar, Dain – disse ela. 
O olhar dele se desviou da pistola para a expressão furiosa que ela ostentava.   
– Jess – sussurrou ele. Ela puxou o gatilho." Pág 99
A partir dai já não posso contar mais nada para não estragar a história . Não sei como demonstrar o tanto que me apaixonei por essa história . É fascinante como a autora conseguiu deixar o livro leve e ao mesmo tempo nos prender a cada página com as novidades surpreendentes . O Romance pode ser de época , mas é espetacular como nenhum deles tinha medo da sociedade   - É briga de gigantes . É fofo a foma como os dois descobrem o que é realmente amor . Recomendo a todos a leitura .


Espero que tenham gostado da resenha .





2 Comentários

  1. nossa adorei, fiquei encantada com este livro, pela capa não pensava que me interessaria.

    Parabéns adorei

    http://spoilermania.blogspot.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É ótimo, recomendo o livro ❤. Os personagens sou fortes e determinado e o romance é intenso hihi

      Beijos,
      Gleyce Nascimento.

      Excluir